Modelo de Política de Backup

Uma coisa que muitos de nossos amigos não costumam fazer, é o famoso backup. Infelizmente, por vezes já vi alguns administradores que lembram do backup somente quando precisam dele, no bom e velho português, quando ferrou tudo!!!

Como boa prática da boa funcionalidade de nossos ambientes, devemos sempre fazer backup dos dados importantes. Tentem sempre pensar na famosa Lei de Murphy: Se algo pode dar errado, vai dar errado. E, pode ser justamente da pior maneira possível e da maneira que não seja possível recuperar os arquivos e justamente no meio de algo extramente importante, onde aquele diretor precisava acessar tal recurso.

Como outra boa prática, é sempre interessante documentarmos todos os procedimentos internos que devemos seguir. E é nesse ponto que chegamos ao tópico em si.

Achei um exemplo bem legal e que nos dá uma ótima base para construir uma política de backup em nossa empresa. Espero que gostem…

Política de Backup e Restauração de Arquivos

Versão x.x

1. Introdução

O presente documento estabelece uma política de cópias de segurança (backup) e restauração de arquivos digitais armazenados no parque tecnológico desta empresa.

Os donos dos dados deverão ter ciência dos tempos de retenção aqui estabelecidos para cada tipo de informação e os administradores / operadores de backup deverão zelar pelo cumprimento das diretrizes aqui estabelecidas.

2. Considerações iniciais

O serviço de backup deve ser orientado para a restauração das informações no menor tempo possível, principalmente havendo indisponibilidade de serviços que dependam da operação de restore.

Este documento deverá ter conhecimento e anuência da Diretoria.

3. Orientações Gerais:

  1. Cabem aos administradores prever a realização de testes periódicos de restauração, no intuito de averiguar os processos de backup e estabelecer melhorias.
  2. A administração dos backups também deve ser orientada para que seus trabalhos respeitem as janelas para execução, inclusive realizando previsão para a ampliação da capacidade dos dispositivos envolvidos no armazenamento.
  3. As mídias (ou dispositivos de armazenamento) deverão ser armazenados em cofre corta-fogo, ou em localidade diversa da origem dos dados (backup off-site).
  4. As mídias defeituosas ou inservíveis serão encaminhadas para picotamento, incineração, procedimentos de sobrescrita de dados remanescentes (disco rígido) ou outro procedimento que impossibilite a recuperação dos dados por terceiros.
  5. As solicitações de restauração de arquivos deverão ser abertas formalmente através de ferramentas de abertura de chamados e / ou formulário que deverá conter os nomes dos arquivos e pastas que deverão ser recuperados e, principalmente, a data do aquivo que se pretende ter acesso.

4. Estratégia Geral Backup:

De acordo com a natureza dos dados trazemos a seguinte classificação:

  • Arquivos dos Sistemas Operacionais;
  • Servidores de Arquivos;
  • Bancos de Dados;
  • Máquinas Virtuais (imagem);
  • Servidores de E-mail;

Por padrão será adotada o seguinte esquema de realização de backups, baseado no esquema GFS (exceto se especificada necessidade especial no item 5):

  • Backups diferenciais (denominados diários) de segunda à quinta-feira, realizados a partir das 20:00h., com uma semana de retenção;
  • Backups completos (full – denominados semanais) nas segundas, terças e quartas sexta-feiras do mês, realizados a partir das 20:00h., com um mês de retenção;
  • Backups completos (full – denominados mensais) na primeira sexta-feira do mês, realizados a partir das 20:00h., com um ano de retenção;

5. Necessidades especiais de backup (exceções):

5.1 Máquinas Virtuais (imagem);

O backup das máquinas virtuais como imagem (adequado para fins de disaster recovery – ou seja: restauração da máquina como um todo), será feito apenas na seguinte periodicidade:

  • Backups completos (full – denominados mensais) na primeira sexta-feira do mês, realizados a partir das 20:00h., com um ano de retenção;

No mais, as Máquinas Virtuais serão tratadas como outras máquinas físicas, devendo o cliente de backup ser instalado em cada uma delas.

Fonte: Bacula Backup Brazil

Você talvez também goste