AWS – Criação de Máquinas Windows Server

O foco de hoje é descobrirmos como criar uma máquina virtual baseada em Windows Server no player AWS (Amazon).

Atualmente, para os profissionais de TI é quase que obrigatório entender de máquinas virtuais e computação em nuvem (cloud computing). Isso virou uma tendência de mercado devido as inúmeras vantagens que estas tecnologias nos trazem, sejam elas com corte de custos de licença, agilidade para criação de novos ambientes, entre outros!

Neste artigo, pretendo ensinar a como iremos instalar uma máquina com Windows Server 2012 R2 em APENAS 5 MINUTOS.

Mãos a massa! Primeira coisa que devemos fazer, é entrar no site http://aws.amazon.com e efetuar login (ou criarmos uma conta seguindo o passo-a-passo).

Em seguida, iremos selecionar o serviço de EC2, que é o serviço da Amazon voltado para a criação das máquinas virtuais em nuvem!

 

AWS - EC2
AWS – EC2

Após está seleção, nos é mostrado um resumo do que temos naquela região (Instâncias, grupos de segurança, etc).

ATENÇÃO: No canto superior direito, temos a região onde desejamos criar nossas máquinas e/ou quaisquer outros serviços. Vale ressaltar que POR PADRÃO, as regiões não conversam entre si! Isso quer dizer que, se eu quiser ter uma rede de máquinas virtuais que se comuniquem entre si, irei precisar criar todas as minhas máquinas na mesma região!

Na imagem abaixo, podemos ver que para este lab, estarei criando minha máquina virtual na região de São Paulo.

Para começarmos a criação, devemos clicar no botão LAUNCH INSTANCE.

AWS - Resumo
AWS – Resumo

Passo 1, selecionarmos o Sistema Operacional. Aqui, iremos escolher o Microsoft Windows Server 2012 R2 Base e iremos clicar no botão Select.

AWS - Passo 1 - Selecionar Sistema Operacional
AWS – Passo 1 – Selecionar Sistema Operacional

Passo 2, escolher o tipo de instância. Isso varia muito de acordo com o que será executado na máquina virtual! Normalmente, as máquinas da família General Purpose (Propósitos Gerais) conseguem rodar tranquilamente os principais softwares e sistemas de mercado! Vale lembrar que cada tamanho tem um preço específico! Para saber mais sobre os valores cobrados pela AWS, basta entrar no link: https://aws.amazon.com/pt/ec2/pricing/. Como este é apenas um lab, estarei criando uma instância do tipo t2.micro que, caso ainda não tenha usado, posso utiliza-la durante o período de 12 meses SEM CUSTO! Está é uma possibilidade bem interessante para quem quer estudar o EC2 da AWS.

Após selecionarmos nossa instância, é necessário clicar em Next: Configure Instance Details:

AWS - Passo 2 - Selecionar o tipo de instância
AWS – Passo 2 – Selecionar o tipo de instância

Passo 3, configurar os detalhes da instância. As principais configurações que devemos efetuar são: Network (Que indica em qual rede nossa máquina ficará), Subnet (Subnet da nossa rede) e Shutdown behavior (O que acontecerá com o volume caso está máquina seja desligada. ATENÇÃO: Se deixarmos marcado Terminate, caso nossa máquina seja desligada, o volume da máquina será apagado). Feito essas configurações, iremos clicar em Next: Add Storage.

AWS - Passo 3 - Detalhes de Configuração da Instância
AWS – Passo 3 – Detalhes de Configuração da Instância

Passo 4, adicionar armazenamento! É neste item que iremos definir o tamanho de nosso HD! Também é possível adicionar mais volumes a nossa máquina virtual. ATENÇÃO: Para termos direito aos 12 meses gratuitos, nosso volume pode ter no máximo 30 GB. Aqui também é possível alterarmos o tipo de volume e também os IOPS que desejamos reservar.

Em seguida, devemos clicar em Next: Tag Instance.

AWS - Passo 4 - Adicionar Armazenamento
AWS – Passo 4 – Adicionar Armazenamento

Passo 5, tags da instância. Aqui podemos adicionar tags, que são marcações para melhor identificarmos nossa máquina virtual. Essa função se torna bastante útil quando nosso parque de máquinas virtuais começa a crescer!

Assim que criarmos as tags que desejamos, iremos clicar em Next: Configure Security Group.

AWS - Passo 5 - Tags da Instância
AWS – Passo 5 – Tags da Instância

Passo 6, configurar grupos de segurança. Na AWS, grupos de segurança são grupos de portas de serviços liberadas! Por exemplo, no grupo abaixo, tenho apenas a porta 3389 (MS RDP) liberada para qualquer IP conectar. Podemos facilmente adicionar novas portas clicando em Add Rule. Lembrando que este item está diretamente ligado aos tipos de serviços que estarão sendo executadas na máquina virtual! ATENÇÃO: No item SOURCE, por questões de segurança, tente sempre colocar algum IP! Quando é setado Anywhere, isso quer dizer que nossa máquina estará acessível por qualquer IP do mundo! Portanto, muito cuidado com as portas que serão liberadas.

Liberando as portas necessárias, iremos clicar em Review and Launch.

AWS - Passo 6 - Configurar Grupos de Segurança
AWS – Passo 6 – Configurar Grupos de Segurança

Passo 7, revisar a criação da instância. Aqui temos apenas um resumo dos itens que selecionamos durante todo este passo-a-passo.

O importante aqui é verificar se selecionamos as opções corretas e em seguida clicar em Launch.

AWS - Passo 7 - Revisar Criação da Instância
AWS – Passo 7 – Revisar Criação da Instância

Ao clicarmos em Launch, será necessário criarmos (ou atribuirmos, caso já tenhamos criado) uma chave de acesso a está máquina. Para isto, será necessário selecionarmos Create a new key pair, e no campo abaixo, digitarmos uma frase secreta. ATENÇÃO: Guarde em um local seguro este arquivo! Nos ambientes Windows, ele é necessário para geramos uma senha de administrador! Isso quer dizer que, qualquer pessoa com este arquivo, consegue, eventualmente, gerar uma nova senha de admin!.

Preenchendo estes campos, iremos clicar no botão Download Key Pair. Salve este arquivo em um local seguro pois iremos usa-lo no próximo passo!

AWS - Criando uma key pair
AWS – Criando uma key pair

Nossa máquina virtual está sendo criada! Basta clicarmos em View Instances.

AWS - Máquina criada com sucesso!
AWS – Máquina criada com sucesso!

Voltando ao painel principal, no item Instances, agora temos nossa máquina virtual sendo executada! Ao selecionarmos este item, na parte debaixo aparece um resumo da máquina como IP, volume anexado, etc.

AWS - Resumo da Instância
AWS – Resumo da Instância

Nossa máquina virtual já está criada e funcionando perfeitamente!

Como passo final, precisamos criar uma senha de administrador! Para isso, clique com o botão direito em cima da instância e selecione Get Windows Password.

AWS - Get Windows Password
AWS – Get Windows Password

No item Key Name, é informado o nome da chave de segurança desta máquina (Ver passo que fizemos logo após o item 7). Devemos clicar em Escolher Arquivo, selecionarmos o arquivo *.pem que fizemos download e clicar em Decrypt Password.

AWS - Gerando senha de Administrador
AWS – Gerando senha de Administrador

Pronto! Já temos o usuário e senha para efetuarmos uma conexão remota ao nosso servidor!

AWS - Senha de Administrador Criada
AWS – Senha de Administrador Criada

O passo seguinte, é abrimos o programa Conexão de Área de Trabalho Remota (mstsc.exe) do Windows e em computador, podemos utilizar o Public DNS que nos foi fornecido no passo acima.

Conectando ao servidor
Conectando ao servidor

Será necessário informar o usuário e senha, que também obtemos no passo acima:

Credenciais para efetuar login
Credenciais para efetuar login

O Windows nos avisa que não é possível autenticar o certificado de segurança desta máquina. Devemos apenas clicar em Sim para que nossa conexão continue normalmente.

Conexão Remota - Aviso de Certificado
Conexão Remota – Aviso de Certificado

E é isso pessoal! Abaixo podemos ver a máquina que criamos em menos de 5 minutos sendo executada normalmente.

Agora podemos instalar qualquer software, criar uma VPN para nossa rede local e etc! É um Windows Server 2012 R2 sendo executado em nuvem e completamente licenciado.

019

Espero que tenham gostado de mais essa dica! Qualquer dúvida e ou sugestão, deixem nos comentários!

Você talvez também goste